quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Na rua do faz-de-conta

Na rua do faz-de-conta
quem é que conta o que diz?
Essa rua só apronta
de uma ponta a outra ponta
com um sorriso de giz!

Miguel Afonso

2 comentários:

Felipa disse...

Na rua do faz-de-conta
fiz de conta que te disse
o que jamais te diria
porque é uma patetice!

Isabela disse...

Que meigo!